11.2.09

O que é justiça?

Certa feita um professor no inicio do período indagou a mim e a outros da minha sala: o que você entende por justiça?
Em meio a tantas respostas divergentes, finalmente me foi dado a palavra e eu disse: Não sei se existe um conceito universal de justiça. O que eu sei é que não é naturalmente dado a nenhum homem fraco o direito de dizer o que é justo. Somente o forte é capaz de dizer o que é justo.
Diante da perplexidade e silêncio que minha resposta causou, fui obrigado a tecer algumas explicações: O velho jargão do direito, "dar a cada um o que lhe é de direito" ,pressupõe que alguem diga o que cabe a cada um, o que é justo, e isso a história nos mostra que foi feito sempre pelo lado mais forte.
A justiça é o triunfo da vontade do mais forte. Por que boa parte das teorias nazistas são consideradas injustas? Porque fracassaram diante de idéias impositivamente mais fortes. Por que é justo proteger o proletário diante da arbitrariedade do mercado de trabalho? Pois, em algum momento eles tomaram esse direito pela força.

A justiça longe de ser um conceito é uma ação, uma preponderância de forças que subjugam outras forças e assim triunfa gloriosa pela mão do mais forte!

2 comentários:

Anônimo disse...

ótima percepção e visão crítica garoto, assino embaixo!!! uma pena q nem a metade dos nossos formandos de direito, chega perto de tal concepção, apenas baseiam-se nas suas vidinhas corriqueiras, mediocre, shopping, barzinhos,cinema e tiram conceitos a partir de tais coisas irrelevantes, não é a toa que hoje em dia, qualquer analfabeto ou um débil com diaréia mental, entra e chega até a fazer uma faculdade... É que nem artista falido ou que não dar mais certo,que na verdade não tem talento algum, apenas foi rotulado e imposto ao publico(maria vai com as outras)vira tudo politico.... é isso aí!!! e da-lhe BRASIL!!! país de sonhadores sem ação!!!

Anônimo disse...

garoto, 2010, já tem mais de um ano que não postas nada....


aaah, ia esquecendo minha marca... E TENHO DITO!!!